jueves, 4 de agosto de 2016

Bosna - Jamás el ser humano (2016)

Gravado e sacado em 2016 (ao menos en formato digital), Jamás el ser humano, é o debut álbum de Bosna, excelente banda neocrust oriunda de Madrid. A temática principal da banda, ao que percebi, gira em torno de guerras e destruição (apartheid ocidente x oriente; assassinato em massa por petróleo, etc), lembrando muito às bandas d-beat, mas a sonoridade, como expliquei, passa longe. A banda trata claramente sobre o sentimento de impotência diante da falta de possibilidades de mudanças frente ao estado lamentável ao qual chegou a humanidade, o que dá toque um tanto pessimista à lírica, muito bem expressado, diga-se de passagem, através da parte sonora, principalmente nas faixas 1 (Ecos da Tormenta - que tem uma introdução belíssima), da faixa 5 (La tumba del mar nuestro) e a faixa 6, que carrega o nome do álbum.
DL // BC!

Gig punk - Buk Porão

GIG PUNK
COM:
* RANCOR
* KALMIA
* ORELHA SECA
* UNDERHAZE

06/08/16 - 18H00 - R$ 5,00
BUK PORÃO, RUA DO PASSO 37, PELOURINHO, SALVADOR, BAHIA

Rap Solidario (06 - agosto)

--- ¡¡ PURO PINCHE RAP SOLIDARIO !! ---
A BENEFICIO DE ESPACIOS AUTOGESTIVOS

*M. REBELDE
*MVP'S
*TxVxMxOxRx
*FLOR ETEREA
*TO CUIC LIBRE
*CRISMO VOCES CLANDESTINAS
*EL VATHO
*SHOTAS EVERYWHERE CREW
*AGAROFOBIA

- VENTA DE MATERIAL ANARQUISTA, COMIDA VEGANA Y REPOSTERIA VEGANA !

GRACIAS A LOS PROYECTOS QUE ESTÁN PARTICIPANDO, SE SOLIDARIZAN Y SE MANTIENEN DE PIE EN ESTA PINCHE GUERRA.

DIFUNDE Y CAILE...!
MIRA en Shitbook!


jueves, 30 de junio de 2016

Fear of the Future - ST LP (16)


Ok. faz alguns "anos" que não postamos nada aqui, sem justificativas nem mimimi, rs, voltamos com o que tínhamos que voltar, gente bêbada, desgovernada e sem fé, do jeito que nós gostamos. Fear of the future traz em seus acordes sujos e pogantes tudo aquilo que queremos dizer, melhor, gritar: foda-se! rs. O segundo full dessa banda paulistana, lançado pela crust-or-die e outras selos, conta com 12 músicas que compõem bem o cenário de onde vieram, ouvir fear of the future é como andar pelas ruas numa noite fria e com um goró quente na mão. Bem característico, com guitarradas sujonas, batidas punk rock, e uma pegada bastante heavy  , fear of the future é a banda para se ouvir no sábado a noite, no talo, com seu goró e um belo dedo do meio para essa sociedade bosta!

Bom, não colocaremos o album para download, mas vocês podem conferir 5 das 12 faixas no Band camp da galera,

A música noite fria contou com um vídeo clipe produzido por Joaquim da distro De Bike No Velô (nossa parceira).


miércoles, 20 de abril de 2016

INTO THE DARKNESS III - Gig

CRUST OR DIE apresenta:

Evento de caráter anti-fascista e em prol da união sadia entre punx e bangers.

Bandas:
* Mácula (Blackened Crust - Simões Filho/Camaçari)
* Black Cascade (Black Metal - Salvador)
* Heretic Execution (Death Metal - Salvador)
* Escarnium (Death Metal - Salvador)
* Sakhet (Metal Punk - Niterói, Rio de Janeiro)

+ banquinhas com materiais diversos (vinis, tapes, cds, tshirts, patches, zines, etc)
+ banquinhas com deliciosos lanches vegETARIanos

21.05.2016
15h30 // R$ 20,00

APOIE SUA CENA - SEJA A CENA!

martes, 19 de abril de 2016

Venezia Hardcore 2016

VENEZIA HARDCORE 2016

14 de maio, em Marghera, Veneza/Itália, acontece esse lindíssimo festival com uma porrada de bandas fodas: Dead Swans, Raein, Viooent Reaction, The Mild (distribuído no Brasil por nós: Crust Or Die) e muitas outras. Se você vive perto deste local, ou estiver passando por lá neste período, não perca a oportunidade de prestigiar e apoiar esta iniciativa.
Support your local scene, be your scene!

More infos about: Here!
The Mild page.
Venezia Hardcore page.

miércoles, 6 de enero de 2016

Deafest - Runoff (15)


Segunda postagem do ano, e a bola da vez de hoje é a Deafest, renomada banda norte americana que conta com 27 lançamentos na sua estrada, entre eps, splitsm compilações e full lenghts. Entre esses materiais há uma participação na 'A Benefit Compilation to Crust or Die Library II' organizada por nós e lançada no início do ano passado. Deafest é uma banda de um cara só, que assim como o Austin Lunn do Panopticon, produz tudo sozinho e em casa, o do it yourself man que está por trás da banda pe Cahse Ambler que também é escritor (está escrevendo um romance para adolecentes) e fotografo. O play que resenho aqui, Runoff, é o penúltimo da banda, lançado em 2015, um ep que contra com três sons, em cerca de 17 minutos. Atmospheric Black Metal com várias passagens melódicas, belas intros e doses cavalais de instrospecção que, mesmo sem presença de uma voz - sim é apenas instrumental - te transportam a um outro ambiente. Parece que o ambiente em que o incansável Chase vive serve de inspiração, pois a cada novo álbum aflora criatividade e uma beleza que não é monotona, muito menos chata: Rocky Mountain Black Metakm como o próprio Deafest chama.

Caso vc ainda não conheça, não perca a oportunidade, confira o bandcamp e dê um like na página abaixo.




viernes, 1 de enero de 2016

Wildspeaker - Survey the wreckage (15)


Com fortes influências de Iskra, Black September e Oathbreaker (e outras), Wildspeaker é uma banda que não deixa a desejar. Survey the Wreckage, lançado em 2015, mostra o que esse quinteto norte-americano do Texas tem a oferecer: um blackened crust coeso (3° trabalho da banda), variando entre sons mais intensos e rápidos com guitarradas mais black, vocais rasgados e desesperados e a boa metranca na bateria, ao crust mais cadenciado - algo mais próximo do que poderíamos chamar de stench (como em Abrupt Decay e Ultimate Price). Passagens doom também são marcas contundentes no som da banda, e enriquecem ainda mais o repertório da Wildspeaker (como nas excelentes Ouroboros e Path to Exile). Melodias carregadas de sentimentos e melancolia dão o toque final que se encaixa perfeitamente com a temática das letras, abordando as terríveis consequências da existência humana - ambiciosa e lúgubre - na terra.
Além de tudo isso, o pessoal da banda também é muito gente boa! (Thanx a lot Natalie & Zak)

jueves, 17 de septiembre de 2015

PENUMBRA FESTIVAL II







































PENUMBRA FESTIVAL SEGUNDA EDIÇÃO:

O festival visa desconstruir a ideia de segregação entre punks, crusties e bangers. Incentivando a união entre bandas e público de diversos segmentos que fazem parte do undergrond e que têm disposição para se movimentar em prol do fortalecimento do mesmo. A ideia do festival é promover o encontro (saudável, sem hostilidade e produtivo) entre esses diversos segmentos para que ambos dialoguem entre si e com os outros a através de suas diferenças e/ou similaridades na tentativa de construir uma nova relação, um novo momento e um novo espaço - bem longe e distante do fascismo, do machismo, do sexismo, da homofobia, do racismo, da xenofobia, da misoginia, dentre outros comportamentos de intolerância que são repugnantes e devem ser combatidos em qualquer meio.

Para além da música, o PENUMBRA FESTIVAL tem como ideia, agregar ao evento uma feira de venda e/ou troca de materias (vinis, cd's, zines, camisas, livros, patches etc.) e exibição de vídeos
A ideia está lançada, chegue para contribuir!

*Machistas, racistas, fascistas, nacionalistas, homofóbicos, NÃO PASSARÃO! JAMAIS PASSARÃO!!! 
O PENUMBRA FESTIVAL não quer, nem tem interesse em construir nada com vocês, não são bem vindos!

Nessa segunda edição contaremos com a participação de 8 bandas, elas são:

DEFORMITY BR (Splatter Death Metal de Feira de Santana)

DISTÜRBIA CLADIS (Punk/Crust/Heavy Metal de São Paulo)

MÁCULA (Blackened crust de Simões Filho/Camaçari)

HERETIC EXECUTION (Death metal de Salvador)

RANCOR (Crust anarcopunk de Simões Filho/Salvador)

INFECTED CELLS (Deathrash Metal de Simões Filho/Salvador)

ORELHA SECA (D-beat de Salvador)

UNDERHAZE (Thrash Metal de Salvador)

03 de outubro/2015 - 20h00
R$ 15,00
John Sebastian Bar - Centro, Camaçari



viernes, 4 de septiembre de 2015

Youth - 2 (2015)


Mais uma belíssima banda vinda do México. Os Youth começaram em 2013, são San Nicolás - Apodaca, Nuevo León e fazem um "crust mimoso", bem elaborado e moderno, repleto de melodias e flertes com post-hardcore, intros longas, atmosferas reflexivas e intimistas, assim como as letras, e um vocal encorpado são regra na banda. Este é o segundo trabalho deste jovem trio, apresenta 5 faixas autorais o velho espírito D.I.Y, com uma boa gravação caseira. Gostei de imediato da banda, ao ouvir a faixa 1 (intro), lembrei-me da brasileira Vulgo Acrata - que saudades, e na faixa 2 (siluetas) o instrumental inicial me fez recordar os galegos da Ekkaia, mas sempre mais lento, a bateria parece sempre comedida e isto ajuda o trio na construção de uma identidade única. Confiram:
FB // BC & DL!

miércoles, 2 de septiembre de 2015

Hope Drone - Cloak of Ash (15)


Desde 2013 eu venho acompanhando/ouvindo estes australianos da cidade de Brisbane. O álbum (ST) de 2013, em minha opinião, é fabuloso. Hoje, ao comentar sobre o Hope Drone com um novo amigo, resolvi revisitar o bandcamp da banda, e, para minha surpresa, os caras acabaram de lançar outro álbum chamado Cloak of Ash. Seria muita 'rasgação de seda' tentar resenha-lo para vocês, então, resolvi apenas copiar e colar a resenha da Relapse Records (selo responsável pelo lançamento do grupo em vinil duplo) enquanto, absorto, escuto o álbum pela terceira vez.

"Australian atmospheric black/sludge metal quartet Hope Drone emerge with their Relapse debut LP Cloak of Ash. A richly captivating, seven song stroke of extreme brilliance, Cloak of Ash combines devastatingly beautiful atmosphere with the uncompromising heaviness of a thousand tidal waves. This is music that is dynamic and textured, supremely nihilistic and earth shaking. Hope Drone have arrived with incredible force and are here to crash violently upon your shores."


BC // DL // BUY!

Sunday Arvo Session. PINCHUGUT//HELLSKUM//THE KNOW NOTHINGS + another band TBA

Sunday Arvo Session. PINCHUGUT//HELLSKUM//THE KNOW NOTHINGS + another band TBA:

Facebook Page to more info.

SUBCUT tour NE: primeira parada: Denis Bar / BA

Crust Or Die Collective apresenta: Nordeste Tour 2015

Bandas:
* SUBCUT: direto de Presidente Prudente / SP, 20 anos de Grindcore, primeira única apresentação na Bahia.
BC.

* Mácula: Blackened Crust (Simões Filho, Camaçari / BA)
BC.

* Rotten Cadaveric Execration: Death Grind (Simões Filho, SSA / BA)
BC.

* MxDxCx: Grindcore (Salvador)

* Black Cascade: Atmospheric Black Metal (Salvador)
BC.

Mais:
* Venda de lanches VEGetariANOS;
* Banquinhas de trocas e vendas de materiais (discos, CDs, camisetas, patches, zines e livros, etc).

Denis Punk Bar, 05 de setembro de 2015 / 16h00 / R$ 15,00


Nazistas, fascistas, homofóbicxs, paga-paus de Bolsonaro e cia não são bem vindxs!

Facebook Page!

sábado, 29 de agosto de 2015

Chimera: Centro Ámerica Tour

Chimera CENTROAMÉRICA TOUR, pronto mais informaçãoes!

Gaze & Korp - Split (15)


Devo ter escutado este split ao menos umas 3 vezes apenas hoje, primeiro porque este álbum é muito bom, segundo porque ele é curto, e acabo querendo bis!
Trata-se de duas bandas recentes, ambas com vocais femininos, ambas apaixonadas pelo d-beat e pelos efeitos nos vocais, e as coincidências não páram por aí: este é o segundo trabalho das bandas depois do lançamento de uma primeiro demo (em tape) no ano de 2013. Além disso, são pró-anarquismo, feministas e antifascistas. 
Gaze é uma banda irlandesa, da cidade de Dublin, e, para este split, apresenta-nos 4 sons: as músicas apresentam uma leve variação que vai do d-beat, por vezes mais acelerado, àquele punk mais contagiante que te leva a pogar sem perceber, sempre com a mesma distorção na guitarra e aquele vocal feminino cheio de ecos - marcas características da banda.
O lado B nos traz a sueca Korp (corvo em português). Mais uma banda da famigerada cidade de Malmö. 40 segundos de silêncio, 40 ruídos de ruídos e distorção, e então, começa a pancadaria. D-beat rápido, sem pausas, uma espécie de Diskonto com vocais femininos cheios de efeito (assim como a Gaze), ou quem sabe, uma espécie de Avfart 33 com os vocais da After the Bombs, sei lá... só posso dizer que é muito bom mesmo! 
O álbum foi lançado em junho deste ano (2015) pelo selo irlandês Dogs And Vultures, pelo inglês Imminent Destruction e pelo norueguês Byllepest Distro.
DL!